Ai dos pastores que destroem e dispersam as ovelhas do meu pasto, diz o SENHOR. Portanto assim diz o SENHOR Deus de Israel, contra os pastores que apascentam o meu povo: Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e não as visitastes; eis que visitarei sobre vós a maldade das vossas ações, diz o SENHOR. E eu mesmo recolherei o restante das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão. E levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e nunca mais temerão, nem se assombrarão, e nem uma delas faltará, diz o SENHOR. (Jeremias 23:1-4)” Deus criou você para ser uma estrela com sua própria grandeza, executando o potencial que Ele mesmo lhe deu. E Deus me enviou à terra com uma missão. Só Ele pode me deter, os homens nunca poderão. E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai. Esse blogger tem como objetivo trazer ao público interessado uma verdadeira meditação sobre o que realmente tem levado centenas de pessoas a não irem mais a Igreja. Nosso objetivo é buscar respostas através de cada opinião aqui registrada.

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

ERRAIS, NÃO CONHECENDO AS ESCRITURAS, NEM O PODER DE DEUS. (Mateus 22.29)

Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus. (Mateus 22.29) O senhor Jesus responde a uma pergunta dos fariseus dizendo que eles erram por não conhecera palavra. Estamos vivendo momentos de acomodação por parte dos povos, há tanta paciência, indisposição, flexibilidade e tolerância quanto a “liberdade”, que virou costume, não procurar conhecer a palavra de Deus, para a maioria basta ouvir e pronto. Muitos tornam-se adoradores da “liberdade”, mesmo estando presos aos seus pensamentos e opiniões. O que se vê é pessoas seguindo lideres, muitas vezes com atitudes que mostram o quanto são escravos mais do homem que servos de Deus, tornam-se dependentes; buscando seus próprios interesses, desejos, passando a ser amantes de si mesmo, lançando fora a importância que tem o próximo, não se interessando pelos demais, tem em mente que o cumprimento de sua vontade é o que importa, levando-o ao lado mais irracional do que racional, mais animal do que humano. Podemos dessa forma, vivenciar o cumprimento em nossa atual e incansável busca do entendimento da palavra o que o Apóstolo Paulo escreve para nosso irmão Timóteo na 2ª carta capítulo 3:2-4 “Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus”. A falta de compromisso com a busca de intimidade com o Pai e seu Filho, leva milhares de pessoas que antes dentro da igreja se tinha por Cristãos a se tornarem religiosos, vivendo da busca do tal “Deus tem que me dar tudo, eu mereço o melhor”, é como se Deus tem por obrigação dar tudo aquilo que espera-se quando aceita-se Jesus como Senhor, esquecem que o maior objetivo e quero salientar que é o objetivo maior do Pai, nos conceder a vida eterna através do sacrifício de seu Filho na cruz. Muitos por não obterem as respostas de que seu coração deseja, passam a pular de religião em religião, usando o sincretismo (Sistema filosófico ou religioso que combinava os princípios de diversas doutrinas) como religião, outros pregam ecumenismo (Tendência para a união de todas as igrejas cristãs numa só), como algo sadio, veja aonde estamos chegando, e tudo isso acontecendo em muitas igrejas evangélicas, em fim porque tudo isto? Creio que trata-se, de insegurança, muitos estão vazios na alma, e acima de tudo falta de conhecer as Escrituras Sagradas, eu sempre digo: “Jesus não é religião e sim convicção de fé em relação a vida eterna. Conhecer as escrituras não é, e jamais será fazer ou possuir curso teológico, por melhor que seja , não é ler a Bíblia 10, 100 ou 1000 vezes, não é ter título de pastor, bispo, apóstolo, missionário ou ser um exímio frequentador de igrejas, nem mesmo ter status de pessoa educada ou boazinha, e muito menos socialmente aceito pelo simples fato de ser religioso ou possuir bens. Conhecer a palavra é muito mais que tudo isso, é ter intimidade com o Pai, e poder ter serenidade, saber olhar para Deus e Cristo Jesus com os olhos da fé, aprender a ouvir e de ter concentração suficiente para compreender o que se passa quando Deus está agindo em nossa vida ou falando através da leitura, ou pregação da palavra. No livro de Jó 42:1-5, aprendemos algo tremendo com relação a ter intimidade, está escrito: “Então respondeu Jó ao SENHOR, dizendo: Bem sei eu que tudo podes, e que nenhum dos teus propósitos pode ser impedido. Quem é este, que sem conhecimento encobre o conselho? Por isso relatei o que não entendia; coisas que para mim eram inescrutáveis, e que eu não entendia. Escuta-me, pois, e eu falarei; eu te perguntarei, e tu me ensinarás. Com o ouvir dos meus ouvidos ouvi, mas agora te veem os meus olhos”. Devemos buscar não só experiência pessoal com o dono da Palavra, mais sim, ainda mais sermos experimentados pelo próprio Senhor Jesus, pois quem diz que o ama, aprende em qualquer circunstância, guarda os seus mandamentos, e mesmo que erre ou vacile mais a frente, manterá seu coração e seus olhos na cruz, crendo no poder transformador e salvador de Jesus. Precisamos renascer dia a dia, pela leitura e busca de entendimento da palavra de Deus, para podermos não só guardar seus mandamentos, como principalmente retê-los e coloca-los em pratica. Precisamos nascer da Palavra todos os dias. Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele. (João 3.5; 14.21), que declaração maravilhosa. A palavra Água, citado no versículo acima, é simbolismo bíblico que se refere a Palavra de Deus. O que os adolescentes, jovens, adultos e todos precisam não é de letra evangélica em musicas de rock, punk, frevo, samba, sertanejo, e demais ritmos para demonstrar adoração a Deus, isto só está levando a juventude a ficar mais longe da Palavra. Precisamos ensinar e debater de forma a crescermos em igualdade de pensamento, de fé, de amor a esse Deus, irmos e pregarmos, ganhar vidas, trazê-las para nosso meio, para juntamente conosco também aprenderem a ter intimidade com o Pai, trata-las, tudo isso, dentro da casa de Deus que acreditamos ser a igreja um dos locais para esse fim. A instabilidade que a igreja vive hoje é falta de conhecimento, é pensar que a religião é tudo ou a mistura dela. Voltemos o mais rápido possível para o evangelho de Cristo, para sua a lei de Deus, isto é, a sua Palavra, antes que seja tarde demais. Paulo diz 2 Timóteo 4:1-5 “Conjuro-te, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino, Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas. Mas tu, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério”. Aqui Paulo quer dizer para cumprirmos o mandamento mais importante e objetivo que Jesus determinou aqueles que o tem como Senhor e Salvador, Ele diz no livro de Marcos 16:15 “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”. A palavra para todas as nações é – Arrependei-vos! - O segredo para ter a verdadeira presença de Jesus é: Arrependei-vos! Para sentir o consolo do Espírito Santo, e sentir o refrigério na alma e ter o vazio preenchido pelo amor de Deus, o – o recado é: Arrependei-vos! Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, (Atos 3.19) Com amor da parte do Pai e Cristo Jesus, Pregador Maurio Maciel. Dedico esse artigo ao meu irmão em Cristo e sua família, Pr. Hamilton (Igreja Batista no Japão), pela escolha do tema a ser desenvolvido por mim, creio que trouxe a minha vida e espero a de todos que lerem, um pouco mais de conhecimento do nosso grande e poderoso Deus!