Ai dos pastores que destroem e dispersam as ovelhas do meu pasto, diz o SENHOR. Portanto assim diz o SENHOR Deus de Israel, contra os pastores que apascentam o meu povo: Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e não as visitastes; eis que visitarei sobre vós a maldade das vossas ações, diz o SENHOR. E eu mesmo recolherei o restante das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão. E levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e nunca mais temerão, nem se assombrarão, e nem uma delas faltará, diz o SENHOR. (Jeremias 23:1-4)” Deus criou você para ser uma estrela com sua própria grandeza, executando o potencial que Ele mesmo lhe deu. E Deus me enviou à terra com uma missão. Só Ele pode me deter, os homens nunca poderão. E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai. Esse blogger tem como objetivo trazer ao público interessado uma verdadeira meditação sobre o que realmente tem levado centenas de pessoas a não irem mais a Igreja. Nosso objetivo é buscar respostas através de cada opinião aqui registrada.

domingo, 10 de junho de 2012

CIENTISTAS DIZEM QUE JESUS FOI CRUCIFICADO A 3 DE ABRIL DE 33

Cientistas dizem que Jesus foi crucificado a 3 de Abril de 33 Um estudo conduzido pela International Geology Review concluiu que Jesus Cristo foi crucificado a 3 de Abril do ano 33. Tamanha certeza deve-se ao fato de ter ocorrido nesse dia um terremoto no Mar Morto, a cerca de 20 quilômetros de Jerusalém, que é mencionado na Bíblia. Apoiados na descrição do terremoto presente no Evangelho segundo Mateus, cientistas analisaram amostras de solo na praia de Ein Gedi Spa, junto ao Mar Morto, detectando vestígios de dois abalos de terra. Um dos cientistas disse ao Discovery Channel que é sabido que um dos grandes terremotos na região ocorreu quando Pôncio Pilatos era o governador da Judeia. A partir daí o quebra-cabeça começou a compor-se e foi estabelecido que 3 de Abril é a data mais provável. Esta descoberta científica provou que o relato bíblico de Mateus está correto (Mt 27.46 – 54; Mt 28). Baseados nesta descoberta podemos traçar a seguinte linha de pensamento: “A mesma fonte que fala do terremoto fala do que aconteceu antes e depois do terremoto”. Ora, se podemos acreditar que ouve o terremoto registrado em Mateus, então podemos acreditar também no que esta fonte diz sobre Jesus. E o que ela diz? Diz que Jesus curou, ressuscitou mortos, morreu, mas também ressuscitou no terceiro dia após a sua morte”. Quem não acredita em Jesus, assim faz não porque não tenha prova da existência de Jesus, mas porque decidiu ser incrédulo mesmo. Em suma, se Jesus morreu, é porque ele esteve viveu se esteve vivo, ele existiu, portanto ele não é uma lenda e sim um fato uma história real. Adquira o livro "O PÚLPITO NÃO É FIM" ou convide o autor para estar levando uma palavra edificante ou realizando uma palestra em sua igreja, retiros, encontros ou eventos. Contato pelo e-mail:pregador2007@gmail.com

Um comentário:

  1. Suas mensagens são muito boas e vir a seu blog é uma benção.Dou-lhe os parabéns e continue nessa
    sua força trazendo a cada dia essas mensagens gratificantes de edificação, consolação e exortação. É este o alvo da nossa vida, incentivar a continuar a nossa caminhada pelas veredas da luz, com alegria falando das maravilhas do nosso Salvador. Que sua vida brilhe mais e mais a cada dia. As minhas cordiais saúdações em Cristo Jesus.

    ResponderExcluir

Esse blogger tem como objetivo trazer o público interessado no tema a uma verdadeira meditação sobre o que realmente tem levado centenas de pessoas a não irem mais a Igreja.
Nosso objetivo é buscar respostas através de cada opinião aqui registrada.