Ai dos pastores que destroem e dispersam as ovelhas do meu pasto, diz o SENHOR. Portanto assim diz o SENHOR Deus de Israel, contra os pastores que apascentam o meu povo: Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e não as visitastes; eis que visitarei sobre vós a maldade das vossas ações, diz o SENHOR. E eu mesmo recolherei o restante das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão. E levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e nunca mais temerão, nem se assombrarão, e nem uma delas faltará, diz o SENHOR. (Jeremias 23:1-4)” Deus criou você para ser uma estrela com sua própria grandeza, executando o potencial que Ele mesmo lhe deu. E Deus me enviou à terra com uma missão. Só Ele pode me deter, os homens nunca poderão. E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai. Esse blogger tem como objetivo trazer ao público interessado uma verdadeira meditação sobre o que realmente tem levado centenas de pessoas a não irem mais a Igreja. Nosso objetivo é buscar respostas através de cada opinião aqui registrada.

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

VAI TOMAR UMA DECISÃO, PERGUNTE A DEUS COMO PROCEDER!

"Assim partiu Abrão como o SENHOR lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão da idade de setenta e cinco anos quando saiu de Harã. Gênesis 12:4" Tomar decisões buscando uma direção de Deus em oração, e assim encontrar um caminho a seguir é um ato fundamental de sabedoria e obediência da vida cristã vitoriosa. Haverá ao longo da vida de cada um, decisões que irão estabelecer para sempre o seu destino, muitas vezes contribuindo para nossa tristeza ou felicidade. Decidir sobre as amizades, trabalho, formação, com quem namora e se casar, e a que religião seguir. Vamos falar hoje sobre alguém que teve que tomar algumas decisões importantes em sua vida, e veremos as consequências de cada uma. Quando Deus chamou Abraão para formar e estabelecer um povo escolhido, separado e abençoado, vimos seu sobrinho Ló decidindo seguir o tio, a Bíblia diz que “Ló foi com ele”. Decidindo assim fazer parte do povo de Deus. De todos da família de Abraão, somente Ló e sua família decidiram prosseguir para a terra prometida. Nosso irmão Pedro se refere a ele como o "justo Ló" (2 Pedro. 2:7). Sucedeu ao coração de Ló de obedecer a Deus, assim como fez Abraão seu tio, e com coragem mostrou estar dispondo a passar naquele momento, as dificuldades da viagem e as dúvidas de um futuro arriscado. Ele tomou a decisão correta, confiou na palavra de Deus. Muitas vezes as pessoas tomam decisões e acabam seguindo caminhos que não sabem aonde vai dar, e acabam sofrendo, ferindo-se e vivendo um tempo de muita angústia tristeza, e tudo isso pelo simples fato de não terem buscado em Deus uma resposta para seus planos e decisões a serem tomadas. Quando o Pai Abraão procura a Ló e diz para que separassem para evitar mais confusões, Ló fica livre para escolher para onde ir. Deus nos deixa livre para escolher as decisões a tomar e caminhos a seguir, porém nem sempre o que é bom aos nossos olhos, representa que é o que Deus deseja que façamos. Quando Ló olha para os montes secos e para as planícies, que eram como o jardim de Deus. Mais uma vez Ló precisa tomar uma decisão, ir para as planícies, um lugar fácil e bonito, ou para o monte, um lugar difícil, árido e feio. Ele não procura a deus para tomar uma decisão, simplesmente deixa que o que seus olhos estão vendo determine o seu caminho a seguir. Vimos que quando a bíblia se refere a Montes, quase sempre se refere a eventos e fatos sobrenaturais relacionados a Deus, muitos aconteceram sobre eles, tais como, quando Abraão oferece seu filho Isaque em sacrifício (Gênesis 22.14); Quando Deus revela a Moisés os 10 mandamentos no monte Sinai (Êxodo 19); É no monte que Deus pede para ser servido (Gênesis 3.12); Josué edificou um altar ao Senhor Deus de Israel, no monte Ebal (Josué 8:30); o Salmista diz “Levantarei os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro, (Salmos 121:1). Precisamos ir ao monte do Senhor para conversar sempre que precisamos tomar decisões que trarão mudanças importantes em nossa vida e também quanto ao nosso pensar e agir, monte é lugar de paz. Não seja como Ló, ele escolheu pelo que via, achou que as facilidades que o mundo lhe mostrava eram a resposta, porem ali situava-se Sodoma e Gomorra, o retrato vivo do pecado; não faça como Ló tomando suas decisões baseando-se nas aparências. Todo cristão querendo ou não passará por este tipo de decisão, pode ser em um relacionamento que parece perfeito, mais princípios serão colocados de lado, um emprego, um namoro, um negócio, alguma vantagem sobre o próximo, e outras coisas que com toda certeza nos afastaram de Deus. Por quantas vezes as pessoas desejam seguir as coisas fáceis que a vida oferece. Tomar decisões não é algo tão difícil e complexo quando se faz conforme o direcionamento de Deus, você pode até estar se perguntando: “Será que Deus me responderia e me diria que caminho seguir diante de alguma decisão que devo tomar? Quero te dizer que Jesus te deixou uma promessa “Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. (Mateus 28:20)”. Olha, quase todos os dias temos que tomar alguma decisão em nossa vida, a partir de hoje te desafio a orar a Deus e colocar diante dEle toda e qualquer decisão a ser tomada, para isso basta falar com Ele em oração, coloque sua duvida, seu desejo, o que lhe foi oferecido, a proposta que chegou até você, e até mesmo em meio a discussões, intrigas e objetivos o que fazer e como agir, e creia que Ele te responderá de forma tão clara, absoluta e muitas vezes sobrenaturais que você dirá em seu coração, “Deus é bom, diz a sua palavra, Ele tem cuidado de mim”. A palavra de Deus diz: “As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; Elas se renovam a cada manhã; grande é a tua fidelidade.” (Lamentações 3:22-23). Amados creiam que Deus é o melhor conselheiro, o único amigo fiel e Santo, portanto, busque-o em toda e qualquer decisão a ser tomada, a partir de hoje deixe-o falar ao seu coração, e quando Ele falar, simplesmente e sem relutar obedeça. Com amor da parte do Pai e Cristo Jesus Pregador Maurio Maciel – Comunidade Profética Ministério Vida de Brasília. Após ler e refletir deixe um comentário, graça e paz da parte de Deus.

4 comentários:

  1. Maria Darcy A.FRanco26 de janeiro de 2013 03:55

    Comentário perfeito. A tendência do ser humano é deslumbrar-se ante o mais fácil, o mais atraente,porém seguindo nesse processo a frustração aparece, com consequências, muitas vezes, nefastas. Optemos pelo caminho mais ígrime,mais difícil,no entanto, correto e digno e, lá na frente nos deslumbraremos com a Luz do Senhor, que nos conduzirá aos campos verdejantes.Busquemos sempre a Deus em nossos coflitos!

    ResponderExcluir
  2. Só tenho que agradecer a Deus o cuidado que tem para com minha vida,e essa reflexão só confirma aquilo que o Pai tratou do meu coração nesta manhã "O sábio conselho que o Eterno dá....Agora, puseste meus pés na vereda da vida...desde que me seguraste pela mão, estou no caminho certo."Que o Senhor continue te abençoando nestas reflexões que nos motivam e nos levam a acreditar que Deus usa pessoas a falar ao nosso coração as Suas palavras de uma forma clara e direta, que Deus te abençoe Maurio com Graça e sabedoria.

    ResponderExcluir
  3. Nestes dias de decisões imediatistas, onde agimos muitas vezes por impulso, é muito oportuno fazer esta reflexão, pois a Palavra nos diz, "se esperamos em Deus somente nesta vida somos os mais infelizes de todos os homens", assim as nossas escolhas não podem ser pautadas apenas na visão do material e atraente, mas aquilo que realmente é a vontade do Senhor nosso Deus.

    ResponderExcluir
  4. Deus é amor e a sua decisão tem de se basear no amor que só ele pode oferecer.

    ResponderExcluir

Esse blogger tem como objetivo trazer o público interessado no tema a uma verdadeira meditação sobre o que realmente tem levado centenas de pessoas a não irem mais a Igreja.
Nosso objetivo é buscar respostas através de cada opinião aqui registrada.